Você já parou para pensar em quanto as fotos em revistas e cartazes ou as mulheres que aparecem na televisão influenciam nos padrões de beleza? Pois saiba que, de acordo com um novo estudo, o impacto pode ser muito maior – e mais rápido – do que você imaginava: em apenas 15 minutos é possível levar um homem a mudar o corpo que ele considera mais atraente.

Pesquisadores da Durham University, no Reino Unido, visitaram o vilarejo de Mosquito, na Nicarágua, para realizar o trabalho – um local que não está acostumado com a energia elétrica e quase não é exposto à mídia. Eles então recrutaram 80 pessoas de ambos os sexos e pediram que criassem os corpos que consideravam ideais com a ajuda de um software de computador.

Homens e mulheres são afetados pelas imagens que observam. Foto: GeorgeRudy/iStock

Em seguida, os participantes foram divididos em dois grupos: um recebeu catálogos de roupas mostrando modelos bem magras, e o outro recebeu um com fotos de modelos plus size. Após 15 minutos analisando as imagens, todos tiveram que criar mais uma vez as silhuetas “perfeitas” para eles. 

O resultado? Ao comparar as duas criações dos voluntários, os especialistas notaram que quem foi exposto ao grupo de mulheres magras acabou escolhendo uma forma mais esguia, enquanto os demais acabaram por escolher corpos um pouco mais cheios e com mais curvas do que haviam retratado inicialmente.