Parece que o jogo virou, né mores? Depois de muitas mulheres se sentirem incomodadas com a gordurinha extra no quadril, a Ciência acaba de dar uma boa notícia: ela pode ser sinônimo de saúde, e inclusive te proteger de doenças cardíacas e diabetes. Mas há uma condição!

Você precisa estar dentro do peso considerado normal em relação a sua altura, de acordo com um novo estudo do Hospital Universitário Tübingen, na Alemanha e publicado no jornal Cell Metabolism. Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores avaliaram as informações de aproximadamente 1000 voluntários com peso ideal, sobrepeso e obesidade, que fizeram testes para determinar precisamente a massa de gordura e a distribuição dela no corpo.

 

Estar no peso ideal não é sinônimo de saúde, então, faça exames periódicos para saber se está tudo realmente bem.

Levando em consideração o peso, histórico de diabetes na família ou níveis de glicose anormais, todos apresentavam riscos de doenças metabólicas, como as cardíacas e diabetes, entretanto, nas pessoas de peso normal, quanto menos gordura acumulada no quadril, menos saudável era o metabolismo. Em resumo, era melhor que ela estivesse alojada ali, “quietinha”, que em outros lugares mais perigosos, como ao redor do coração ou fígado. “Os quadris e as coxas oferecem um ‘armazenamento seguro’ para a gordura, impedindo que ela entre no sangue e atinja os órgãos”, disse oco-autor do estudo, Norbert Stefan, em entrevista ao Daily Mail.

É importante ressaltar que o fato de você estar dentro do peso ideal, não garante que esteja saudável, sendo assim, manter uma alimentação saudável e fazer exames periódicos é fundamental para garantir que está realmente certinho.