Dá para dizer que fazer sexo é mais ou menos como uma sinfonia: o objetivo é entrar em harmonia e tocar no mesmo ritmo – o que não acontece da noite para o dia e exige prática e intimidade. Mas o que fazer quando, digamos, o parceiro é devagar ou rapidinho demais?  De acordo com a sensual coach Fátima Moura, o primeiro passo é ter paciência: “É importante ter cuidado para não apontar a característica como um problema ou crítica, o que pode aborrecer muito”. A calma também é fundamental porque, na maior parte dos casos, segundo Fátima, a demora ou a rapidez em atingir o prazer na relação sexual se dão por conta de estresse ou nervosismo do homem.

A especialista diz ainda que, se a situação incomoda demais o casal, talvez seja o caso de procurar um urologista para ter certeza de que não há algo de errado com a saúde. Mas, se o caso é corriqueiro, veja a seguir como lidar com a situação.

RÁPIDO DEMAIS

– Invista no pompoarismo: essa ginástica vaginal inclui movimentos de pressão ao redor do pênis que podem ajudar a prolongar a ereção.

Ejaculação precoce pode ser sinal de estresse/ Thinkstock
Ejaculação precoce pode ser sinal de estresse/ Thinkstock

– Use acessórios: Fátima conta que hoje há uma série de géis capazes de gerar uma dessensibilização no pênis e, portanto, causar uma ereção mais prolongada. Outra boa dica é utilizar um anel peniano: “Alguns modelos podem tanto reter por mais tempo o pênis ereto quanto estimular o clitóris da mulher, fazendo com que ela chegue mais facilmente ao orgasmo”, diz.

– A posição: Se o companheiro ejacula rapidinho, você pode ficar no controle da situação para ajudar. “Assim, quando vir que ele está chegando ao ápice, você pode fazer uma pausa e até trocar de posição ou investir em outro tipo de carícia”, fala a sensual coach.

– Aliviar a tensão: Parceiros que têm mais dificuldade para prolongar a ereção podem se masturbar antes da transa, garantindo mais fôlego para o encontro de vocês.

DEVAGARINHO

– Converse: Fátima conta que, em muitos casos, quando o homem demora muito para atingir o prazer, pode ser por tentar agradar a parceira ou acreditar que mais tempo é sinônimo de mais qualidade. “Vale propor uma rapidinha para aquele dia ou dizer que quer tentar algo novo, diferente”, fala.

Veja como lidar com diferentes tempos na cama/ Thinkstock
Veja como lidar com diferentes tempos na cama/ Thinkstock

– Esquente o clima: Para acelerar o caminho dele até o prazer, mande mensagens apimentadas antes do sexo ou proponha um banho de banheira bem sensual.

– Capriche nas preliminares: Presenteie seu parceiro com uma boa masturbação ou sessão de sexo oral. Quando perceber que ele está chegando mais perto de ejacular, parta para a penetração.

– Cuide do seu prazer: Transas muito prolongadas às vezes geram ressecamento. Assim, ao longo do sexo, busque novas formas de se dar prazer.