“Edward Mãos de Tesoura”, “O Estranho Mundo de Jack”, “Os Fantasmas Se Divertem”, “A Noiva Cadáver”, “Alice no País das Maravilhas”… Você sabe o que todos esses filmes têm em comum? O cineasta Tim Burton, que ficou conhecido por contar histórias das mais diversas usando um universo muito próprio, entre o sombrio e o melancólico, mas se nunca perder o ar de encanto.

E um pedacinho desse universo acaba de desembarcar no Brasil, mais precisamente no Museu da Imagem e do Som, em São Paulo, que desde a última quinta abriga a exposição “O Mundo de Tim Burton”. Por lá, é possível embarcar na imaginação do ilustrador, roteirista e diretor com peças que vão desde os desenhos da infância até as mais recentes de seu trabalho cinematográfico.

São cerca de 500 itens, como rascunhos feitos por Burton em guardanapos e emoldurados; esboços de Edward, personagem de Johnny Depp em “Edwards Mãos de Tesoura”, e bonecos dos personagens Victor, Edgar e Elsa Van Helsing da animação “Frankenweenie”.  Há ainda surpresas para os fãs de “Peixe Grande e suas Histórias Maravilhosas”, “Batman”, a “Fantástica Fábrica de Chocolate” e muitos outros títulos bastante conhecidos (e amados pelos loucos por cinema).

A exposição foi montada pela primeira vez pelo MoMA, em 2009. Na sequência, viajou pelos quatro continentes e foi sendo aprimorada. Agora, “O Mundo de Tim Burton” chega ao Brasil e fica no MIS até maio deste ano – para a felicidade dos muitos admiradores do cineasta.