ANÁLISE DA ÍRIS INTENSIFICA A RELAÇÃO ENTRE MÃE E FILHA

É inquestionável o elo que se estabelece entre mãe e filha desde a gestação. É o período em que seus corações batem em uníssono, onde a mãe transmite ao seu bebê todas as heranças genéticas familiares, mas mais do que isso, as mães repassam suas emoções e experiências vividas naquele período.

Com o nascimento, a tendência natural é que, da mesma forma, a mãe transmita à sua filha a educação e crenças que recebeu de seus pais e essa cadeia de padrões vai se repetindo por todas as gerações.

Assim, a filha tem na mãe seu porto seguro, as respostas aos seus questionamentos de menina, de como se transformar em mulher, na melhor maneira de enfrentar o mundo. Mas essa convivência pode também se tornar conflituosa por conta das informações recebidas do mundo externo, uma vez que somos igualmente produto do meio em que vivemos.

Somente com amorosidade, respeito e, principalmente, conhecimento real do outro é que se fortalecem as relações e/ou se amenizam as incompatibilidades. Portanto, o primeiro passo é entender que sua filha é um ser inteiro, uma alma com suas próprias necessidades e características e que ela espera a compreensão dos seus anseios e sentimentos. Por outro lado, é preciso que a filha compreenda a existência da sua herança familiar e a respeite e receba com gratidão.

Os sinais existentes nas íris registram as características de personalidade – como pensa, sente, age e reage, como percebe o mundo interno e externo e como se protege deles. Além disso, a íris indica que experiências vividas foram impactantes e determinantes no atual comportamento da pessoa, como desbloqueá-las e liberar essas crenças limitantes.

Portanto, a iridologia é a melhor ferramenta para a obtenção do conhecimento, já que elas registram todo o nosso universo. Não é à toa que se diz que “os olhos são a janela da alma”.

Munida do autoconhecimento é possível promover em si as transformações necessárias para encontrar o equilíbrio físico, psíquico, emocional e espiritual próprio. Conhecendo sua filha, você passará a aceitá-la, compreendê-la e respeitá-la, buscando, igualmente, equalizar as diferenças e harmonizar o relacionamento.

A análise dos sinais irídeos vai permitir um conhecimento pleno dessa alma que veio artilhar a jornada contigo e, assim direcionar o caminho que vai fortalecer a comunicação e consequentemente a relação entre mãe e filha. Marque um atendimento! Venha descobrir o universo que se encontra nos seus olhos!