Desde criança, ouvimos que FALAR PALAVRÃO NÃO É LÁ MUITO BACANA, nem prova de boa educação. Mas pasme: cientistas descobriram que XINGAR TEM UMA FUNÇÃO FUNDAMENTAL PARA O SER HUMANO, ajudando a conquistar feitos difíceis e desafiadores.

A conclusão é de um estudo conduzido por psicólogos na Universidade de Keele, no Reino Unido, apresentado no encontro anual da British Psychological Society. Nele, VOLUNTÁRIOS TINHAM QUE XINGAR E FALAR PALAVRÕES antes de encarar sessões intensas de spinning ou de apertar um aparelho que media a força.

Os experimentos constataram que quem XINGAVA DE FORMA MAIS INTENSA E, DIGAMOS, MENOS RESPEITOSA DEMONSTRAVA UMA PERFORMANCE MELHOR nos exercícios do que quem usava palavras mais amenas.

A pesquisa ainda usou como referência trabalhos anteriores que concluíram que FALAR PALAVRÃO AUMENTA A TOLERÂNCIA À DOR. De acordo com Richard Stephens, professor que conduziu o estudo: “Uma razão possível para isso é que XINGAR ESTIMULA O SISTEMA NERVOSO SIMPÁTICO, O SISTEMA QUE FAZ SEU CORAÇÃO DISPARAR QUANDO VOCÊ ESTÁ COM RAIVA. Assim, seria de se esperar que os xingamentos fizessem as pessoas se sentirem mais fortes, que é justamente o que atestamos com nossa pesquisa”.