Arte & Cultura Comportamento

Americana usa desenhos em guardanapo para ensinar empoderamento à filha

A intenção é promover a autoestima e conscientizar sobre a luta das mulheres que fizeram e continuam fazendo história

 

A americana usa, no entanto, um método pouco convencional para tal. Em pequenos guardanapos que vão junto com o lanche da pequena, desenha os perfis e as frases daquelas que lutaram (e lutam!) pelos DIREITOS FEMININOS E IGUALDADE DE GÊNEROS.

"A coisa mais difícil é a decisão de agir, o resto é meramente questão de persistência" - Amelia Earhart, pioneira na aviação dos Estados Unidos, autora e defensora dos direitos das mulheres FOTO: Reprodução/Facebook

“A COISA MAIS DIFÍCIL É A DECISÃO DE AGIR, O RESTO É MERAMENTE QUESTÃO DE PERSISTÊNCIA” – AMELIA EARHART, PIONEIRA NA AVIAÇÃO DOS ESTADOS UNIDOS, AUTORA E DEFENSORA DOS DIREITOS DAS MULHERES FOTO: REPRODUÇÃO/FACEBOOK

Em entrevista à edição norte-americana do jornal “Huffington Post”, ela contou que a prática já era uma tradição na família, só que com ilustrações que geralmente envolviam animais fofos ou piadinhas. Depois das campanhas presidenciais e a derrota da candidata Hillary Clinton ao cargo, resolveu dar um direcionamento diferente ao costume, até mesmo como forma de PROMOVER A AUTOESTIMA da sua pequena em casa.

"A todas as meninas que estão assistindo... Nunca duvide que você é importante e poderosa, merecedora de cada chance e oportunidade do mundo" - Hillary Clinton, ex-candidata à presidência dos EUA  FOTO: Reprodução/Facebook

“A TODAS AS MENINAS QUE ESTÃO ASSISTINDO… NUNCA DUVIDE QUE VOCÊ É IMPORTANTE E PODEROSA, MERECEDORA DE CADA CHANCE E OPORTUNIDADE DO MUNDO” – HILLARY CLINTON, EX-CANDIDATA À PRESIDÊNCIA DOS EUA FOTO: REPRODUÇÃO/FACEBOOK

“Eu me senti realmente pequena e impotente após os resultados da eleição”, disse. “E queriaLEMBRAR A MINHA FILHA (e eu mesma, acho) que ainda SOMOS FORTES E PODEROSAS, MESMO QUANDO ESTAMOS COM MEDO. Muitas mulheres fortes vieram antes de nós, e tiveram que lutar contra obstáculos ainda mais assustadores”, falou.

"Eu não tenho medo de tempestades, estou aprendendo a velejar meu barco" - Louisa May Alcott, escritora famosa pela obra "Mulherzinhas", de 1868 FOTO: Reprodução/Facebook

“EU NÃO TENHO MEDO DE TEMPESTADES, ESTOU APRENDENDO A VELEJAR MEU BARCO” – LOUISA MAY ALCOTT, ESCRITORA FAMOSA PELA OBRA “MULHERZINHAS”, DE 1868 FOTO: REPRODUÇÃO/FACEBOOK

De todas as personagens estampadas, a preferida da garota é a MALALA YOUSAFZAI (ativista paquistanesa, a MAIS JOVEM GANHADORA DO NOBEL DA PAZ, em 2014), a mãe relatou. “Nós assistimos a um discurso dela no verão passado e Holden imediatamente quis montar uma barraca para vender limonada e contribuir com o fundo dela”.

"Nós descobrimos a importância da nossa voz apenas quando estamos silenciadas" - Malala Yousafzai, ativista paquistanesa e mais jovem ganhadora do Nobel da Paz FOTO: Reprodução/Facebook

“NÓS DESCOBRIMOS A IMPORTÂNCIA DA NOSSA VOZ APENAS QUANDO ESTAMOS SILENCIADAS” – MALALA YOUSAFZAI, ATIVISTA PAQUISTANESA E MAIS JOVEM GANHADORA DO NOBEL DA PAZ FOTO: REPRODUÇÃO/FACEBOOK

As imagens, postadas por Meaghan no Facebook, viralizaram com mais de 22 mil curtidas. O fato a levou, inclusive, a criar uma página exclusiva, a fim de que mais pessoas pudessem ver a sua “ARTE NO GUARDANAPO” e usarem-na como incentivo também. Ela planeja continuar os esforços com Elsa, sua caçula, que iniciará a pré-escola no ano que vem. Veja abaixo mais publicações:

"Nenhum homem é bom o suficiente para controlar qualquer mulher sem o consentimento dela" - Susan B. Anthony, feminista que brigou pelo direito das mulheres ao voto FOTO: Reprodução/Facebook

“NENHUM HOMEM É BOM O SUFICIENTE PARA CONTROLAR QUALQUER MULHER SEM O CONSENTIMENTO DELA” – SUSAN B. ANTHONY, FEMINISTA QUE BRIGOU PELO DIREITO DAS MULHERES AO VOTO FOTO: REPRODUÇÃO/FACEBOOK

"Eu prefiro lamentar as coisas que fiz do que as que não fiz" - Lucille Ball, atriz conhecida pelo seu papel no seriado "I Love Lucy" FOTO: Reprodução/Facebook

“EU PREFIRO LAMENTAR AS COISAS QUE FIZ DO QUE AS QUE NÃO FIZ” – LUCILLE BALL, ATRIZ CONHECIDA PELO SEU PAPEL NO SERIADO “I LOVE LUCY” FOTO: REPRODUÇÃO/FACEBOOK

"Enquanto eles vão abaixo, nós vamos acima" - Michelle Obama, ex-primeira-dama norte-americana

“ENQUANTO ELES VÃO ABAIXO, NÓS VAMOS ACIMA” – MICHELLE OBAMA, ATUAL PRIMEIRA-DAMA NORTE-AMERICANA

Comente isso

Seu e-mail não aparecerá no comentário.

Você vai gostar