Beleza

Compense os danos causados pelos maus hábitos e mantenha a pele linda

Especialista revela o que fazer em caso de excesso de álcool, maquiagem e até tabagismo

Alguns hábitos ruins – como beber, fumar e até dar aquela escapadinha para o fast food quando falta tempo –  podem ser verdadeiros vilões da pele, trazendo prejuízos como o envelhecimento e a perda de elasticidade, o ressecamento e até a falta de viço. E se você ainda não está pronta para abrir mão deles de uma vez por todas, vai gostar de saber que é possível reduzir esses danos e manter a sua beleza em dia.

ÁLCOOL

No verão é comum acabar abusando um pouco das bebidas alcóolicas, afinal, o calor e o maior número de festas disponíveis (incluindo o Carnaval) parecem chamar um bom drinque. Aconteceu com você? Então é hora de cuidar. “O álcool desidrata e tira água dos tecidos, então se você bebe muito vai perder a hidratação. Ela deverá ser reposta tanto de maneira oral, bebendo bastante líquido, quanto por CREMES MAIS HIDRATANTES E POTENTES DO QUE OS QUE VOCÊ USA NO DIA A DIA. Procure hidratação intensiva”, explica o dermatologista VALCINIR BEDIN, mestre e doutor em medicina pela UNICAMP e presidente da Sociedade Brasileira do Cabelo.

TABAGISMO

Tabagismo atrapalha a reposição de colágeno, então é preciso estimular. Foto: Terroa/iStock

Você já sabe que o cigarro traz uma série de malefícios tanto para a saúde quanto para a estética, mas se mesmo assim ainda não conseguiu parar, pelo menos dá para reduzir o prejuízo. “O que o cigarro faz fechar os vasos, especialmente as artérias fininhas que são responsáveis pela nutrição dos tecidos em geral. Isso acontece principalmente em áreas que precisamos de muita atividade, como ao redor da boca. O que se pode fazer como fumante é TENTAR ESTIMULAR AS CÉLULAS QUE PRODUZEM O COLÁGENO (que tem sua reposição prejudicada por conta da nicotina), o que é muito simples até os 30 anos, e um pouco mais difícil depois disso. Você deve usar PRODUTOS TÓPICOS COM ESTIMULANTES, QUE SÃO OS FAMOSOS ÁCIDOS, com destaque para o retinóico. Não passe ou ingira colágeno direto, porque ele não será absorvido”, indica.

FAST FOODS

Você já percebeu a pele mais oleosa e até com cravinhos e espinhas depois de uma semana de alimentação ruim? Pois saiba que esse é um efeito bastante comum dos fast foods e alimentos industrializados. “Se você tem uma pele oleosa e ingere alimentos mais gordurosos vai piorar essa condição. A gordura do alimento por si só não causa a acne, mas favorece. Se o rosto é oleoso e você consumiu esses alimentos não muito saudáveis o que se pode fazer é USAR PRIMEIRO UM PRODUTO PARA UM CONTROLE MAIOR DESSA OLEOSIDADE, que são os agentes limpantes e desengordurantes, e depois os de redução dos efeitos negativos, como os produtos para cravos e espinhas”, aconselha.

EXCESSO DE MAQUIAGEM

Maquiagem agride a pele e pede produtos que recuperam o pH. Foto: Thinkstock

Mesmo com um bom preparo e removendo corretamente ao chegar em casa, usar muita maquiagem e por um longo período pode ser bastante prejudicial para a pele. Portanto, a dica é encontrar o equilíbrio: “Quanto mais pesada ela é mais prejudicial à pele, porque vai deixar os poros fechados e você precisa de trocas gasosas para manter o pH, que faz uma barreira biológica e protege dos danos. Quando você usa um produto inevitavelmente altera esse pH. Então o legal é limpar adequadamente todos os dias e USAR PRODUTOS DE RECUPERAÇÃO, QUE SÃO AS LOÇÕES ADSTRINGENTES E EQUILIBRADORAS DE PH. A maquiagem também deve ser adequada para o seu tipo de pele para manter ao máximo seu equilíbrio e evitar maiores problemas”.

Comente isso

Seu e-mail não aparecerá no comentário.

Você vai gostar