Arte & Cultura

Janeth Arcain é homenageada com ilustração de Milena, da ‘Turma da Mônica’

A jogadora defendeu a seleção brasileira por 21 anos e é a terceira maior pontuadora do grupo.

Nesta quinta-feira (11), a grande jogadora de basquete Janeth Arcain está completando 50 anos. A data especial foi lembrada com a divulgação de um projeto do “Donas da Rua”, da Turma da Mônica, em homenagem à esportista.

A nova personagem negra do bairro do Limoeiro, Milena, que foi apresentada nas páginas dos gibis em janeiro de 2019, se tornou uma jogadora de basquete para fazer jus à história de Janeth.

 (Turma da Mônica/Divulgação)

A atleta foi a primeira jogadora brasileira a ter reconhecimento em solo americano com a Women’s NBA, a maior liga feminina do basquete mundial. Ela foi integrante do grupo durante oito anos e conquistou quatro títulos consecutivos nesse período.

O destaque da ginasta também é merecido por ela ter feito história na seleção brasileira: foram 21 anos defendendo o país nas quadras. Esse percurso fez com que ela se tornasse a terceira maior pontuadora da seleção, com 2.247 pontos em 138 disputas oficiais.

No mês de março deste ano, Janeth foi indicada ao “Hall da Fama de 2019″ da Federação Internacional de Basquete, que reune os nomes da modalidade que fizeram grandes feitos nas quadras.”Toda minha vida eu fiz tudo o que pude para representar a mim mesma, minha família e meu país da melhor maneira possível”, revelou a atleta em uma entrevista ao Globo Esporte.

Com toda influência no basquete, Janeth também criou o “Instituto Janeth Arcain”, em 2002. O projeto tem como intuito “democratizar o acesso ao esporte de qualidade, preconizando a prática esportiva baseada nos bons valores, de forma a promover o basquetebol como fator de desenvolvimento humano e utilizando-o como ferramenta transformadora da sociedade e exercício da cidadania”, como está escrito no site da instituição.

Comente isso

Seu e-mail não aparecerá no comentário.

Você vai gostar