Arte & Cultura

Palco da Via-Sacra, Morro da Capelinha recebe pagadores de promessa

Apesar de a encenação estar marcada para as 15h, muitos fiéis estão no Morro da Capelinha, em Planaltina, desde o início da manhã desta sexta-feira (25/3). A maioria dos presentes chegou mais cedo ao local para orar e pagar promessas. Antes de 10h30, o número de velas ao redor da cruz no topo era tão grande que bombeiros tiveram que apagar as chamas para garantir a segurança de quem chegava. O clima é tranquilo, e, apesar da movimentação, algumas pessoas ainda conseguem subir de carro até próximo ao topo.

Entre os pagadores de promessa está a diarista Maria Aparecida Viana, 34 anos. Ela chegou ao morro por volta de 9h40 e subiu todo o trajeto da base ao topo à pé, descalça, carregando uma imagem de Nossa Senhora e rezando o terço. Ela contou à reportagem que assiste a encenação desde criança. “É a primeira vez que venho para pagar promessa”, contou.

Maria sofria com fortes tendinites em ambos os braços e teve medo de parar de trabalhar. Devota de Nossa Senhora Aparecida, prometeu à santa que subiria o morro a pé, com uma imagem na mão e orando, caso ficasse boa. Quatro meses depois, as dores cessaram. “O sentimento é de alívio, agradecimento e missão cumprida”, disse.

Maria foi acompanhada da irmã, a dona de casa Eliane Paula Viana, 32 anos, do marido de Eliane, o auxiliar de serviços gerais Júnior Alves, 26, e da avó, a pensionista Maria Esteves dos Santos, 71. “É muito emocionante, muito bom acompanhar a neta pagando promessa. Eu trouxe velas para acender para Nossa Senhora. Eu estava passando mal nos últimos dias, mas hoje me senti bem e fiz questão de vir”, relatou a idosa.

Comente isso

Seu e-mail não aparecerá no comentário.

Você vai gostar